Depoimentos

    • A escolha da escola de um filho é certamente um momento de grande expectativa. Além de procurar uma boa proposta pedagógica, espaço físico adequado e atividades diversificadas e estimulantes, a escola precisa ser acolhedora e proporcionar bem estar aos alunos.

      Andrea Balke
      Pietro (NÍVEL 5)
      Fonoaudióloga
    • Depois de algumas visitas, a escola dos meus sonhos não só tomou forma, como ganhou um nome, tão simpático quanto todos os que nos receberam desde o primeiro momento.

      Clarissa Albuquerque
      Helena (NÍVEL 2D) Henrique (NÍVEL 4B)
      Servidora Publica
    • Enquanto pais brigam e obrigam seus filhos à irem a escola, eu tenho que conversar com a minha para ela ir para casa, pois por ela ficariam ainda mais tempo dentro da escola. Hoje minha filha está com 5 anos e dia a dia eu olho em seus olhos e conforto meu coração com o brilho de seu olhar.

      Emerson Itiberê
      Natália (NÍVEL 5)
      Vendedor
    • O carinho e dedicação que vejo nos professores dessa escola não vi em outros lugares, minha filha voltou para escola com a abertura do primeiro ano e a evolução que ela teve em poucos meses não teria como ter sem esse projeto diferenciado, onde a professora pode se dedicar a cada aluno, atendendo as dificuldades individualmente

      Eric Pereira Brobouski
      (NÍVEL 2A ) e Laura ( 1 ANO do FUNDAMENTAL)
      Servidor Público
    • Tenho certeza de que é a melhor escola para meus filhos e que me faz sentir segura, tranquila e feliz todas as manhãs quando os deixo! E será assim por muitos anos, enquanto eles tiverem idade para continuar a fazer parte da escola que tanto amamos, uma extensão da nossa família!

      Morgana G. B. Carvalho
      Lucas 1º Ano e Pedro Nível 2
      Servidora Publica
    • Quando eu entrei na escola, eu senti meu coração sendo abraçado e todos os olhares me acolhendo e dizendo mesmo que em silêncio: _ Venha mãezinha você pode confiar em nós, estamos prontos para dar todo o amor que seus bebês merecem ganhar.

      Sheila Ortiz
      Olavo (NÍVEL 3B) e ENZO ( 1 ANO do FUNDAMENTAL)
      Fonoaudióloga
  • Veja os depoimentos completos

    A escolha da escola de um filho é certamente um momento de grande expectativa. Além de procurar uma boa proposta pedagógica, espaço físico adequado e atividades diversificadas e estimulantes, a escola precisa ser acolhedora e proporcionar bem estar aos alunos. Quando conhecemos a Ponto a Ponto logo identificamos estas características e por isso foi fácil decidir. Mas com certeza esta decisão também aconteceu por percebermos que aqui as crianças são muito felizes!!!

    — Andrea Balke

    Já nos primeiros meses da minha estreia como mãe, me peguei a pensar na escola que meu filho estudaria, assim que minha licença-maternidade acabasse.
    Nessa escola, meu filho seria chamado pelo nome e reconhecido por todos os funcionários, sem exceção. As turmas seriam adequadas – nem muito grandes nem muito pequenas -, haveria bastante espaço para ele brincar e socializar. Ele contaria com toda estrutura preparada para as mais diversas atividades, desde a culinária, passando pelas artes marciais, música e inglês. Ele aprenderia a mexer na terra, se encantaria com a horta e teria contato com a natureza.

    Depois de algumas visitas, a escola dos meus sonhos não só tomou forma, como ganhou um nome, tão simpático quanto todos os que nos receberam desde o primeiro momento.
    No entanto, essa escola me mostrou que há muito mais do que isso para se sonhar.

    Ao longo dos meses e anos, fui percebendo que a escola perfeita é composta de pequenos detalhes relevados no dia da dia. É saber que a coordenadora, nos primeiros dias de aula, vira “alvo” do seu “bebê-velcro” e passa alguns dias com ela no colo, pra lá e pra cá, até que a pequena se sinta segura. E se isso implicar uma cochilada no colchão minúsculo, não tem problema: ela deita junto para a bebê não estranhar. É suas crianças receberem um “oi gatchinho” e um animado “oi lindona” na chegada pela operação escola, todos os dias.

    Na escola perfeita, girassóis representam a vida que surge e ensinam como devemos cuidar e amar o próximo.

    Seu filho, aos três anos, viaja numa máquina do tempo para aprender de onde surgiram as letras e, assim, desde pequeno fica fascinado por esse mundo. Passarinhos trazem mensagens do tempo do Egito e seu pimpolho, que mal saiu da cidade, começa a dominar a cultura de uma terra tão distante.

    Sua filha caçula chega todos os dias com cheirinho de “algodão doce” que você logo descobre ser do perfume das professoras, que não economizam colo, beijos e abraços. Dessas mesmas professoras, você recebe uma mensagem carinhosa no meio da tarde, demonstrando preocupação porque estranhamente a pequena comilona recusou o lanche que adora.

    A diretora discute com você qual a melhor turma para o seu filho, que nasceu no limite entre o um ano e outro. E, mais do que isso, ela ouve e respeita o que você, como mãe, acha melhor para o seu filho.

    As datas comemorativas não se resumem ao apelo comercial. Aliás, consumismo é uma coisa que a escola faz questão de deixar de fora. A páscoa não é sinônimo de chocolate, e sim de balizas como partilha, união e amor. No dia dos pais, os super-heróis invadem a escola para mostrar o verdadeiro significado que a palavra carrega. No dia das mães, um lanche delicioso nos espera, como forma de reconhecimento por todas as refeições frias que já engolimos.

    E como não podia deixar de ser, as famílias que encontram essa escola, são realmente especiais. Afinal, um lugar desse, só poderia mesmo atrair pessoas fora do comum. Laços de amizade são imediatamente estabelecidos e se fortalecem dia a dia. O convívio passa a ser natural e frequente e ninguém mais quer se separar, nem os pais, nem os filhos.

    Essa poderia ser uma história de revista, de conto de fadas, de ficção infantil. Mas desde que encontrei a Ponto a Ponto, essa é a história da vida dos filhos.
    Com os olhos marejados, eu só tenho a agradecer, do fundo do meu coração, pelos dias incríveis que meus filhos têm vivido. Com a mais absoluta certeza, são momentos que eles jamais esquecerão.

    — Clarissa Albuquerque

    Quando descobri que seria pai, uma emoção totalmente sem explicação tomou conta do meu coração… Junto com a emoção, veio uma preocupação. Onde ela vai ficar enquanto eu trabalho??
    Conversando com clientes e amigos, várias foram as sugestões, mas uma informação em especial, chamou minha atenção.

    Um amigo juiz, disse o seguinte: “- Emerson, escola não é só estrutura física, todas vão deixar tudo muito bonito e arrumado para você conhecer, não é só qualificação dos professores, pois papel aceita tudo, nem sempre os professores são exatamente o que seus currículos dizem, também não é preço, nem tudo que é caro é bom e nem tudo que é mais barato é ruim…, quer escolher a melhor escola para colocar sua filha faça o seguinte, olhe nos olhos das crianças que estudam lá, chegue de surpresa e faça isso… os olhos de uma criança não mentem, se estiverem felizes, essa será a escola, se estiverem meio apáticos ou tristes, se o silencio for maior que as risadas e graças feitas durante sua permanência lá, escolha outra escola, tenho certeza que se as crianças pudessem escolher, não estariam lá.”

    Firmei aquele exemplo em meus pensamentos, fiz uma seleção de 5 escola, entre elas a Ponto a Ponto , fui visitando cada uma… sem marcar visita, simplesmente cheguei. Em uma, demorei 50 minutos para acessar o berçário e ao chegar lá, tudo era perfeito, a limpeza o cheiro, os brinquedos o sorriso das professoras…, tudo certo, só que não existia a tal da alegria nos olhos das crianças… Em outra tudo certo, mas algo chamou minha atenção, um das salas tinha 10 crianças, e para cada criança um professor. Não acreditei muito no que vi e voltei horas depois, constatei que era mais um enfeite para ganhar mais uma aluno, na mesma sala, as mesmas 10 crianças e neste momento somente 1 professor.

    Na Ponto, também não avisei sobre minha visita, cheguei e já indignado com o bloqueio das outras escolas para o acesso imediato, fui logo dizendo: “ quero conhecer a escola, mas desejo fazer isso agora e não esperar vocês arrumarem tudo para eu conhecer, isso é possível?! Imediatamente a recepção, chamou a responsável pelo berçário que em poucos minutos já me recebeu e apresentou toda a escola e não somente o nível que minha filha seria matriculada, ali pude constatar o olhar de crianças entre 5 meses e 4 anos, então não tive mais dúvida.

    Quer um resumo pq escolhi a Ponto a Ponto?

    Lembrei-me das palavras do meu amigo juiz, encontrei no olhar de cada criança que vi na Ponto a Ponto, a alegria que desejava ver nos olhos da minha princesa… e no pacote ainda levei: a melhor estrutura física, os melhores professores e um preço razoável.

    Enquanto pais brigam e obrigam seus filhos à irem a escola, eu tenho que conversar com a minha para ela ir para casa, pois por ela ficariam ainda mais tempo dentro da escola. Hoje minha filha está com 5 anos e dia a dia eu olho em seus olhos e conforto meu coração com o brilho de seu olhar.

    Pq escolhi a Ponto a Ponto? Pq sinto segurança que nesta escola ela ficara bem em todos os sentidos, sejam intelectuais, emocionais ou físicos.

    Agradeço todos os envolvidos, desde o segurança, equipe de limpeza, cozinheiras, administrativo, professores e diretores, todos fazem da Ponto a Ponto um lugar único e confiável.

    Grato

    — Emerson Itiberê

    Escolher uma escola para os filhos não é uma tarefa fácil, a vida escolar começa muitas vezes no berçário e vai até a faculdade. Nos preocupamos em como nossos filhos estão sendo cuidados, nos preocupamos com as amizades, no que é ensinado e principalmente em como é ensinado. Na ponto a ponto sinto que meus filhos são nomes e não números de matriculas, muitas vezes pensei e até cheguei a colocar em escolas ditas grandes onde eles podem ficar até terminar o segundo grau ou até terminar a faculdade, mas ao lembrar do meus estudos, conversar com outros amigos que também são pais e comparar com como era na ponto a ponto, sinto que escolhi a melhor opção ao voltar. O carinho e dedicação que vejo nos professores dessa escola não vi em outros lugares, minha filha voltou para escola com a abertura do primeiro ano e a evolução que ela teve em poucos meses não teria como ter sem esse projeto diferenciado, onde a professora pode se dedicar a cada aluno, atendendo as dificuldades individualmente, e com a proposta de terem turmas até o quinto ano e agora com o projeto bilíngue, sinto que estou dando a melhor preparação possível para minhas filhas, não só academicamente falando, mas uma preparação para vida, pois vejo que além de ensinar as matérias, aqui elas aprendem valores, e fazem amizades que vão para a vida toda.

    — Eric Pereira Brobouski

    Há pouco mais de 6 anos, 4 meses após nascer meu primeiro filho, precisava voltar ao trabalho e procurei uma escola onde pudesse encontrar um cuidado que fosse parecido com o meu. Onde meu filho tivesse amor, carinho, atenção! Onde fosse tratado com respeito e pudesse se divertir, brincar e é claro aprender! Um lugar com valores similares aos meus, onde pudesse se sentir tão bem quanto em casa, seguro como nos meus braços! Desde então a Ponto a Ponto faz parte de nossas vidas. E agora da vida do meu segundo filho também! Tenho certeza de que é a melhor escola para meus filhos e que me faz sentir segura, tranquila e feliz todas as manhãs quando os deixo! E será assim por muitos anos, enquanto eles tiverem idade para continuar a fazer parte da escola que tanto amamos, uma extensão da nossa família!

    — Morgana G. B. Carvalho

    É com muito carinho que falo e compartilho com vocês pais e amigos sobre a Escola Ponto a Ponto.
    Confesso como mãe que nosso coração se aperta só de pensar na idéia de um dia ter que deixar um pedacinho de nós em um lugar que nós não sabemos como é e como esse pedacinho vai se comportar, ou melhor, se vai se adaptar ao novo lugar, as novas pessoas, em fim aos novos “colos” que conhecerá.
    Tudo isso passou pela minha cabeça, quando decidi deixar os meus amores Enzo e Olavo aqui na Ponto a Ponto. Mas quando eu entrei na escola, eu senti meu coração sendo abraçado e todos os olhares me acolhendo e dizendo mesmo que em silêncio: _ Venha mãezinha você pode confiar em nós, estamos prontos para dar todo o amor que seus bebês merecem ganhar.
    Não preciso falar mais nada, só tenho a agradecer por tudo que a escola vez pelos meus pequenos e faz até hoje, e também por me confortar e me fazer uma mãe melhor, mais confiante. Pois “medo” todos nos pais sentimos, mas não queremos que nossos pequenos sintam.
    Isto é inevitável, mas saber que estão sendo preparados para enfrentar cada desafio da vida, de uma forma mais humana, com amor, respeito, carinho e sabedoria, realmente não tem preço.
    Meus verdadeiros agradecimentos a toda equipe Ponto a Ponto a Diretora Fabiana Leal, Professores, auxiliares, cozinheiras, faxineiras e seguranças, que com certeza estarão para sempre em nossos corações!!!
    Obrigada,
    Sheila Ortiz (Uma mãe feliz)!!!

    — Sheila Ortiz